Facebook Pixel

Como estar sempre preparado em caso de acidentes de moto?

como-estar-sempre-preparado-em-caso-de-acidentes-de-moto

Definitivamente, um tema sério e que não gostaríamos de tratar, mas que precisa ser abordado. Nossa missão como empresa é tornar o passeio, a viagem, o dia a dia sobre a motocicleta, mais seguro e confortável e, por fim, mais prazeroso.

Na CORSE enxergamos uma correlação direta na satisfação ao pilotar com o sentimento de estar seguro, por isso, quanto mais você roda protegido com equipamentos de primeira, mais confortável fica sobre a motocicleta, conduzindo com mais perícia.

Em todo caso, algumas situações (que não desejamos para ninguém), como um acidente de moto, é iminente e, às vezes, inevitável. Nesses casos, realmente o equipamento fala mais alto e a condição de local, do terreno, do tempo, do trânsito, é determinante. Mas para a grande maioria das situações, o que mais evita acidentes é a PRUDÊNCIA.

Vimos diariamente nas ruas, comportamentos que aumentam imensamente a chance de uma tragédia, e esse tipo de atitude é o que causa os acidentes mais comuns no trânsito.

Nas grandes cidades, isso aumenta consideravelmente pelo fato de muitos motociclistas pilotarem “para si próprios”, ignorando ou desafiando o meio ao seu redor.

Disputar espaço com veículo maiores, fazendo manobras bruscas para entrar naquele espaço entre dois carros, rodar em alta velocidade num corredor de uma avenida e não se certificar que os outros condutores saibam o que você vai fazer, é pedir para ter uma situação nada agradável, podendo causar um acidente de moto fatal.

Aqui entra também a falta de educação e cordialidade no trânsito, e não só dos motoristas das quatro rodas. Vemos inúmeros casos todos os dias em São Paulo, por exemplo, de motociclistas que literalmente se sentem os donos das ruas, dos corredores e por uma pressa excessiva, colocam sua saúde e de outros em risco.

Nesse sentido, a máxima que muitos ouviram na autoescola, dos pais ou de quem quer que os instruiu a pilotar, deve falar mais alto: “Pilote para os outros e não pra você”. Se condicionar a manter a atenção e precaução quando se torna automático, gera muito mais segurança.

Algumas dicas de segurança no trânsito para motociclistas, que parecem óbvias, mas que, infelizmente, não são o padrão no dia a dia do trânsito:

  • ➡Nos cruzamentos, pilote defensivamente e tente não cruzar pelos corredores, pois além de ser mais difícil para outros condutores notarem sua presença, em caso de colisão com um veículo maior, o motociclista obviamente saíra mais prejudicado;
  • ➡Observe e tente contato visual com os outros motoristas certificando-se que eles te vejam e entendam o que você vai fazer e qual direção você vai e na dúvida, sempre respeite o veículo maior. Afinal, você não tem um para choque para te proteger;

Aqui talvez a mais óbvia dela e que provavelmente, se errar, pode não permitir uma segunda chance:

  • ➡A ultrapassagem deve ser feita somente quando houver condições para tal, em curvas, cruzamentos ou declives na estrada, desconsidere essa possibilidade. Jamais rode sobre a faixa contínua, infelizmente isso é comum ainda de ser visto em rodovias de mão dupla. E lembre-se, USE SEMPRE A SETA, como na dica acima, o motociclista sempre será mais prejudicado em caso de colisão, isso vale também para a ultrapassagem;
  • ➡A perda de controle também é um dos principais fatores sobre acidentes de moto, causada muitas vezes por deformidades e adversidades na pista. Por isso, mantenha uma distância considerável dos outros veículos e fique atento aos obstáculos na pavimentação em geral péssima das ruas e avenidas do Brasil. Buracos, desníveis, detritos e qualquer outra condição que possa te fazer perder contato com as pedaleiras ou mesmo perder o controle do guidão;
  • ➡Vai rodar por estradas rurais? A maioria dos motociclistas está acostumada a rodar em ambiente urbano e rodovias pavimentadas, assim as estradas rurais representam desafios diferentes aos condutores. Para evitar acidentes nesse tipo de trajeto, observe o pavimento para notar se existe areia, óleo, barro ou qualquer elemento que possa comprometer a aderência dos pneus, apesar da dica valer também para a cidade, soma-se a isso o risco de animais circulando pela pista. Redobre a atenção e diminua a velocidade nesses trechos;
  • ➡Por fim, a moto naturalmente te fará ganhar tempo no trânsito em relação aos outros veículos. Mas não deixe a pressa levar a melhor sobre você. Rodar atento, sem exagerar na velocidade, sem mudanças bruscas de faixa e de sentido e sempre se certificando que os outros condutores notaram a sua presença, ajuda e muito na prevenção de acidentes de motocicletas.

A CORSE está no mercado para trazer mais segurança e conforto para você curtir o passeio de moto com responsabilidade. Você pode até perder uns poucos minutos ao ser mais cauteloso, mas sem dúvida, vai chegar em segurança.
Ser previdente te faz ir mais longe por mais tempo!

Gostou do texto, achou que agregou alguma informação relevante para você rodar mais seguro, te fez repensar alguma situação que você viveu? Deixe seu comentário para a gente.

Aproveite para conferir aqui no site qual produto Corse vai te acompanhar em suas viagens para garantir a sua segurança com muito conforto e estilo!


Deixe um comentário